1º Encontro Goiano de Cervejeiros Caseiros

encontro-cerveja

 

APRESENTAÇÃO

 

Neste ano de 2017, a ACervA Goiana realiza seu primeiro festival de cervejas caseiras. Qual o diferentão de outros festivais? Aqui só tem caseira, meu amigo! Aqui só tem pérola de um cervejeiro caseiro que abriu sua produção para a comunidade degustar!

 

Ele funciona por meio de cotas, no mínimo de 19L por cervejeiro (um postmix cheio), o que equivale a 5 ingressos para o mesmo. O que significa? Que o cervejeiro que doou sua produção garante sua entrada e mais 4 ingressos para vender!

 

Com isso temos uma média de 3,8L de cerveja por ingresso. O que isso nos garante? Que o número de ingressos não pode ser maior que a produção de cerveja destinada ao festival. Assim, garantimos cerveja para todos!

 

Se tem gente que bebe 4L? Claro, eu bebo até mais que isso! Mas tem gente que não vai beber nem 1,5L. Com essa média, é sucesso garantido!

 

Dúvidas? Leia o regulamento, que lá tem tudo explicado. Se ainda tem dúvida, LEIA DE NOVO!

 

SERVIÇO

 

Mais de 350L de cerveja! 20 cervejas caseiras de diferentes estilos!

 

Quando? 24/06/2017, a partir das 15h até às 22h

Valor do ingresso: R$ 50,00, com direito a cinco copos exclusivos

Local: Casaria do Malte – Rua T-27, 962 – St. Bueno, Goiânia – GO

Alimentação: A Casaria terá um cardápio especial para o evento.

Som: Discotecagem

 

CADASTRO

 

Link: https://goo.gl/forms/80Q2RFGkn0C7Tel93

 

REGULAMENTO

 

  1. O Festival de Caseiras 2017 ACervA Goiana é um modelo de festival cervejeiro aberto a todos que adquirirem os ingressos originários da doação de cerveja para o evento. Serão ingressos numerados, indicando a origem (de quem doou a cerveja). Haverá um controle rígido para evitar fraudes.
  2. O modelo mais viável para se servir será através de postmix. Caso precise de empréstimo, entre em contato, para sabermos se haverá algum disponível de algum associado.
  3. A litragem indicada para a doação é de 19L, o equivalente a um postmix (Cornelius Keg). Para 19L, calculamos 5 ingressos, o que equivale a 3,8L de cerveja por ingresso para consumo.
  4. O valor do ingresso é o preço fixo de R$ 50,00 (referente à compra de 5 ingressos). O cervejeiro que doar a sua produção terá quer ter consciência que o preço total R$ 250,00 é uma média entre as produções. Dependendo do estilo ele poderá estar acima ou abaixo do esperado que ela possa valer.
    1. Se o cervejeiro não conseguir vender todos os ingressos, não existe a possibilidade de ele vender para a associação. Faz um corre aí, nestes festivais sempre FALTA ingresso!
    2. O cervejeiro que doar 19L irá pagar R$ 50,00 para receber 5 copos exclusivos do evento, independente se ele irá vender ou doar os ingressos.
  5. Caso o cervejeiro queira doar mais que o pedido (19L), faremos uma média de 3,8L por ingresso (sempre para menos) para fornecer os ingressos equivalentes. Exemplo: Se o cervejeiro doar 50L, ele receberá 13 ingressos para vender (13,15 ingressos arredondados para o menor valor inteiro)
    1. Vamos aceitar produções em garrafas.
    2. Vamos fornecer caixas com gelo ou geladeiras para o serviço.
    3. O cervejeiro precisa identificar suas produções com rótulos adesivos plásticos, tendo em vista que serão colocados dentro do gelo.
    4. Para o copo exclusivo do evento, o cervejeiro irá poder pagar e receber a quantidade proporcional ao volume de cerveja que doar, sempre pra menos.
  6. Para quem é associado, sempre existe a possibilidade de dividir a produção com alguém que tem equipamento! Assim, eles dividem os ingressos conseguidos com a cerveja produzida!
  7. Vamos estabelecer um máximo de 100 convidados, para garantir a tranquilidade e bom fluxo de pessoas no espaço do evento.
  8. O cadastro de cervejas deve ser efetuado até 10/06 e as cervejas devem passar por uma triagem até o dia 17/06. Triagem? Claro, não vamos aceitar qualquer cerveja que não esteja nos níveis aceitáveis para degustação! O resultado da triagem é soberano e indiscutível, tendo no corpo de análise pessoas comprometidas com produção e degustação de cervejas.
  9. Não será possível plugar todas as cervejas disponíveis ao mesmo tempo. Vamos correr atrás de chopeiras para o festival, mas não é certo que consigamos todas. Assim, vamos classificar as cervejas em ordem de ABV e depois IBU como prioridades para serem servidas.